terça-feira, junho 25

APOSENTADORIA… sem “deprê” por Eduardo Berger

11
450

Tudo que nasce, um dia morre – as histórias sempre têm começo, meio e fim.

O segredo para que tenham um final feliz, é fazer com que elas sejam bem contadas, bem vividas, bem acabadas!

No meu caso, batalho para que o capítulo derradeiro “nunca chegue” – como se isto fosse possível… Já que não é, tento  manter minha historia viva!

++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Em outubro de 2022, no limiar de meu 53º aniversário de profissão, 52º de atividade profissional no mesmo hospital (!), sai de férias – fui aos vinhos! A Mendoza e região (Lujan de Cuyo, Valle de Uco e Maipu), onde já havia estado e conheço bem, e ao Uruguai, pela primeira vez, às regiões vinícolas de Maldonado, de Canelones e de Carmelo.

Se for a Mendoza, não o faça sem falar comigo – “minha modéstia é fogo”!     

Quanto ao Uruguai, adorável, posso dar boas dicas, também!

 

 

Vale a pena comentar sobre a margem esquerda do Rio da Prata. Um esplendor de belezas, literalmente, de “PONTA a PONTA” – desde Punta del Este, Oceano Atlântico, até a Punta Gorda, já no encontro das águas do Rio Uruguai, com as do estuário do Paraná. Ao percorrer este caminho, todo ele  voltado para o lado ocidental, pode-se ter a certeza de que a natureza irá proporcionar pores do sol absolutamente deslumbrantes!

Um dos mais lindos é o observado desde a Casa Pueblo (Punta del Este)

Também nas praias!

Tudo neste pequeno pais encanta, da boa educação de seus habitantes, passando pela limpeza e organização das suas cidades, até a excelente qualidade de suas rodovias. Um ótimo exemplo deste fato, se observa à beira da estrada, entre Montevideo e Colônia do Sacramento (vide foto). Palmeiras Coloniais trazidas das Ilhas Canárias, plantadas em ambos os lados, por  mais de 20 km Uma festa para os olhos, um espetáculo que dura 15 minutos, trafegando a 90 km/hora!

 

Curiosidades ouvidas dos “orientais”: o churrasco, o tango, o mate, o alfajor, o “dulce de leche”, o vinho… algo mais? Penso que não, a lista está completa – são TODOS ORIGINAIS DO URUGUAI. Isto me fez lembrar uma famosa marchinha de nossos velhos carnavais… “periquito come milho, papagaio leva a fama”!!!

 

 

AO FINAL, COMO NÃO PODERIA DEIXAR DE SER, “ELES” VIERAM A MIM…

++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

E as férias se acabaram, como tudo na vida, né? Tá escrito lá no início desta postagem…

Então, resolvi dar uma “esticadinha no meu período de descanso” e gravei o vídeo a seguir. Se tiver paciência, assista.

11 comments

  1. PEDRO TAKANORI SAKANE 26 março, 2023 at 20:42 Responder

    Berger, você sempre se supera.
    Muito bem. Muito legal este post.
    Você pode se aposentar como profissional, mas o Médico sempre viverá em você.
    Boa sorte nesta nova etapa da vida

  2. José Luiz da Costa Porto 26 março, 2023 at 20:56 Responder

    APOSENTOU! CAPITULOU!!
    Impossível, só deixa lembrança quem leva…
    Que Deus o proteja para sabermos você vivo será sempre um bom amigo

    • EDUARDO BERGER 26 março, 2023 at 21:02 Responder

      Zeca Porto, meu bom e querido amigo.
      Estou muito bem, física e psicologicamente. Qualidade de vida em ALTA!!
      Tudo tem seu tempo, há que se adaptar às novas realidades, aceitar as limitações… tudo sem tristeza, sem deprê!
      Tamujuntu Mermãozinho!

    • Emílio Elias Abdo 31 dezembro, 2023 at 05:12 Responder

      Porto, aqui é o Emílio Elias Abdo da 56a.
      Em meados de 1970 fui ao PS do HC no fim da madrugada com uma terrível Dor na FID.
      Me colocaram numa maca no corredor. Alguns passaram e iam me operar de apendicite Aguda.
      Ai ai… Aí um “anjo” grandão passou, olhou para mim, mandou eu sentar, cheio de dor e batendo cuidadosamente na minhas costas à direita falou: “Sinal de Giordano POSITIVO”!
      Me SALVOU de uma cirurgia enganosa, pedindo para me aplicar Buscopan composto.
      Muito obrigado Dr. Porto, o Urologista.
      Estava no meu 3° ano da nossa gloriosa FMUSP.
      Sou eternamente grato e a todos que cuidaram de mim a posteriori.
      Salve a 52a turma da qual conheço muitos, incluso os que frequentavam o pebolim no CAOC.

  3. Noragi Kac Dalva 26 março, 2023 at 21:05 Responder

    Querido Amigo, Irmão, Agregador e Pastor do Rebanho da 52a.
    A sua autobiografia é de um Vencedor, desde os primeiros momentos como médico cirurgião, até o crepúsculo profissional, sempre orientando com muita generosidade os Residentes que tiveram a sorte de serem acompanhados pelo mestre Eduardo Berger.
    Acredito que sua Alma tenha cumprido seu compromisso com o Altíssimo, tornando-se um Homem Justo.
    Boa sorte na Nova Jornada.

  4. CLAUDIO ROSSI 26 março, 2023 at 21:08 Responder

    Caro Berger, acabei de ver e ouvir o vídeo com a brevíssima e resumidíssima história de sua carreira. Todos sabemos que duas horas seriam o mínimo necessário para incluir as mais importantes obras e as inúmeras aventuras e peripécias do grande líder que você é.
    Em nosso grupo temos a felicidade de compartilhar suas intervenções pouco frequentes, mas sempre precisas e cirúrgicas. Intervenções que acima de tudo zelam pela integridade e união do nosso grupo. Sua defesa contínua do bom senso, da verdade e do equilíbrio tem sido fundamental para todos nós.
    É um prazer e uma honra ser seu colega.
    Que seu bisturi descanse, mas você ainda terá muito trabalho pela frente.
    Seus liderados e amigos ainda precisarão de você.
    Abraço forte querido!

  5. EDUARDO BERGER 26 março, 2023 at 21:18 Responder

    Admirável, e admirado por quem o conhece, este é o Claudio Rossi! Exemplo de dignidade e finesse.
    Faço minhas as suas palavras quanto ao prazer e a honra de ser seu amigo. Sou um privilegiado!

Leave a reply