terça-feira, junho 25

QUIZ: QUEM SERÁ O TERTULIANO DA 52ª TURMA? POR Antonio A Macedo Costa

5
363

Vou contar-lhes uma historieta, verdadeira, dos tempos de Faculdade e, é claro, não direi o nome do colega-autor:
Passava eu pelo nosso saudoso CAOC, em frente da livraria Roca e sala de sinuca quando dei de cara com um colega com arranhões
– “Que aconteceu”? – perguntei.
– “Vou contar-lhe, em confiança.”
– “Fique seguro, sou uma múmia.”
– “Aconteceu o seguinte” – disse ele – “eu estava dormindo com uma jovem, bela, carinhosa e suave esposa de um caminhoneiro que havia partido a serviço. Mas o caminhão quebrara fora de São Paulo; ele deixou o caminhão com o ajudante e pegou uma carona de volta à Capital, para comprar a peça quebrada. Chegou de madrugada para azar meu, que tive de sair nu, carregando as roupas e pulando muro com arame farpado. Daí os arranhões.”
– “Mas você não se emenda”? – disse eu – ainda vai se dar mal! Parece o Tertuliano!
– “Tertuliano”?
– “Sim. Vou contar”:

Tertuliano,  frívolo e peralta,
Que foi um paspalhão desde fedelho,
Tipo incapaz de ouvir um bom conselho,
Tipo que, morto, não faria falta,

Lá um dia deixou de andar à malta,
E, indo à casa do pai, honrado velho,
A sós na sala, diante de um espelho,
À própria imagem disse em voz bem alta:

– Tertuliano, és um rapaz formoso!
És simpático, és rico, és talentoso!
Que mais no mundo se te faz preciso?

Penetrando na sala, o pai, sisudo,
Que por trás da cortina ouvira tudo,
Severamente respondeu: – Juízo!

Decorei esse soneto, de Artur de Azevedo (1855/1908), ainda no ginásio, e me lembro dele até hoje.

Foi muito bem aplicado ao nosso descuidado e namorador colega…

5 comments

  1. Decio R Kerr Oliveira 1 fevereiro, 2021 at 12:34 Responder

    Macedo, delicia de história!
    Devíamos contar mais destas histórias e colocá-las aqui no nosso site.
    Alguém já dizia, recordar é viver.
    Se alguém lembrar quem foi, me diga por favor.

  2. Flavio Camargo 1 fevereiro, 2021 at 12:40 Responder

    Falando da estória do “Tertuliano”, Berger, você que conheceu cada um de nós de forma mais direta, deve perceber que cada um da turma tem algo do TERTULIANO!
    Uns com mais sorte que os outros.
    O “JUÍZO”, quem não aprendeu no começo, a vida ensina!

Leave a reply