quarta-feira, junho 19

Convocando para a comemoração dos 40 anos, Carlos Roberto Martins

0
388

Do CARLOS ROBERTO MARTINS um depoimento maravilhoso, transcrito abaixo. Façam o mesmo! Deixem nossas histórias… nossos netos hão de gostar. Um grande abraço

Roberto Anania de Paula (outubro/2009)

 

Caros (as) colegas

Estamos já muito próximos de nossa tão esperada celebração. É com muita ansiedade que aguardo poder rever e abraçar a todos.
Um dia o destino nos uniu na nossa querida 52ª Turma, pudemos conviver por um tempo, fizemos amizades duradouras, compartilhamos tantos momentos, tantas alegrias, e também dificuldades, mas o tempo passou e o mesmo destino nos separou, e seguimos cada um sua trajetória, e construimos cada qual sua vida, certamente alicerçada em tanta coisa boa que nossa querida Escola nos ensinou.

A ideia da comemoração na Faculdade foi fantástica, pois tudo contribuirá para evocar esta época maravilhosa de nossas vidas, certamente nos lembraremos de tantas histórias, tantos fatos que vivenciamos em comum, e certamente nos emocionaremos muito. Querem ver?

– Vocês se lembram da euforia com que entramos pela primeira vez em nossa Faculdade, do orgulho que sentíamos em estudar na FMUSP ?
– como nossa vida mudava tão rapidamente, a descoberta dos novos colegas, da amizade que logo ia se estabelecendo entre nós,
– dos nossos primeiros momentos na Faculdade, do trote extremamente light (aula inaugural dada pelos veteranos), do batismo nas águas do laguinho, do Baile de Calouros
– da época conturbada politicamente, com frequentes assembleias no CAOC, grandes discussões e talvez, ainda meninos, ou adolescentes, não pudéssemos entender plenamente tudo o que acontecia
– de nossas primeiras aulas de anatomia, no Laboratório. E do saquinho azul de ossos que recebemos para estudo?
– da vivencia cada vez maior no CAOC, na amizade que também ia crescendo cos os veteranos. Pudera, ficávamos todos juntos praticamente o dia todo…
– do bar do seu Abel, do restaurante onde almoçávamos, da lojinha da dona Pierina, onde comprávamos nossos jalecos, instrumentos para aulas de anatomia, nossas bolsas e agasalhos com dizeres da Faculdade, com que orgulho nós os usávamos!
– e o que dizer da Atlética, sempre presente em nosso horário de almoço ou final de tarde, em treinos para representar a Escola (que orgulho!) ou por simples lazer? Lembram-se do Albino Carramão das Neves?
– do Marcondes, do Sampaio e do seu Silvio?
– da Biblioteca, onde muitas vezes ficávamos até tarde da noite, trabalhando em relatórios, por exemplo, de experiências de Fisiologia, lembram-se?
– das aulas nos laboratórios
– das grandes competições esportivas, como Pauli-Med, Med-Ita e a inesquecível Mac-Med, de grandes derrotas mas também de vitorias memoráveis. De nossa primeira passeata pelo centro de São Paulo, de caminhão, anunciando a abertura da Mac-Med ( e tome caipirinha!)
– de nossa Bandeira Cientifica, e de nossa viagem à Europa?
– de nossas atividades no Hospital, onde certamente amadurecemos muito? E de nosso internato, onde nos sentíamos como médicos, já cientes de nossa responsabilidade social? Vamos nos lembrar de grandes mestres, como Prof. Decourt, Prof. Bernardino Tranchesi, Prof. Zerbini, entre tantos outros inesqueciveis mestres. E do PS do HC, onde tanto aprendemos, e do Waldomiro ¨Fellow¨de Paula, e também do Mané, lembram-se dele?
– e de nossos queridos colegas que já estão na eternidade? Que saudades!

Bom gente, é impossível colocar neste texto todas nossas lembranças mais caras. Mas em nosso reencontro quanta coisa voltará às nossas mentes. Tenho muito orgulho de ter pertencido a esta Escola e em especial a nossa Turma, e de ter tido vocês por colegas e eternos amigos.

Um grande abraço e até muito breve.
Carlos Roberto Martins (2009 – antes da comemoração dos “40 anos”)

Leave a reply